Como montar uma apresentação de slides?

Neste texto, vamos te dar três dicas muito simples para montar uma apresentação de slides! Isso pode servir para seu TCC, mestrado ou doutorado. Além disso, essas dicas servem para apresentações presenciais ou on-line.

1ª DICA: Divida o TEMPO da sua apresentação em slides!

Para não sobrar ou faltar tempo, divida o tempo disponível para a apresentação por 2. O resultado é a quantidade máxima de slides que você precisa fazer. Por exemplo, em uma apresentação de 20 minutos, você deve fazer até 10 slides.

Durante a apresentação, é natural sentir nervosismo e falar mais rápido ou mais devagar do que o planejado. Mesmo assim, o tempo médio de 2 minutos por slide é suficiente.

No primeiro slide, você deve incluir título, nome, orientador, universidade, agência de fomento… Esse slide inicial vai te ajudar a relaxar e interagir com o público. Já no último slide, coloque um agradecimento e seu e-mail, Dessa maneira, você vai terminar sua apresentação de modo gentil.

2ª DICA: Siga os TÓPICOS da sua pesquisa

Na sua pesquisa, você deve estar seguindo a estrutura clássica: introdução, justificativa, objetivos, metodologia, cronograma, resultados e discussão e, por fim, as referências.

Utilize essa mesma estrutura em sua apresentação! Escreva nos slides os tópicos da sua fala, mas não escreva tudo o que você precisa falar. Se fizer isso, você corre o risco de ler e tornar a apresentação maçante.

3ª DICA: Faça um ENSAIO da sua apresentação

Uma vez que você definiu a quantidade de slides e o roteiro da apresentação, você precisa fazer um ensaio! Primeiro, faça um ensaio sem ficar olhando no relógio. Em seguida, veja quanto tempo gastou e faça os ajustes necessários.

Repita esse ensaio quantas vezes for preciso! Se possível, filme a sua apresentação e assista o vídeo no dia seguinte. Assim, você vai conseguir se colocar no lugar do ouvinte e ver se a sua exposição está clara!

Esperamos que essas 3 dicas te ajudem a montar sua apresentação de slides! Siga em frente e bom trabalho!
Se tiver alguma dúvida ou sugestão, deixe seu comentário abaixo. 😉

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Como definir as PALAVRAS-CHAVE?
et al., apud, idem e ibidem: quando usar?
Menu